Uma árvore em flor fica despida no outono. A beleza transforma-se em feiúra, a juventude em velhice e o erro em virtude. Nada fica sempre igual e nada existe realmente. Portanto, as aparências e o vazio existem simultaneamente

Carla citando Dalai Lama
0,000 unidades

Cliente comercial Registar / Pedir nova senha

© CACIA – Loja de Artigos Místicos e Esotéricos

Política de Privacidade

por QI

Xamãstore